Rendered Veil

Casamento e Desafio

Cobra Arco Iris chama Mata Troll de volta para casamento. No caminho, Coruja treina martelo em Arvore Guardiã. Voltando para Caern, Rei manda mata troll se arrumar. Enquanto isso, conversa com Coruja sobre o ritual de renome.

Mata Troll encontra as mocambas e descobre que seu noivo é um Parente franzino, filho único do Rei. Ros dos Ventos conduz o cassamento, o noivo parece satisfeito. Coruja bebe com Chifrudo.

As núpcias são no mesmo dia, com a presenca da família. Ela fica grávida, Rosa uiva, e a festa vira briga. Brisa e Coruja brigam contra dois hominideos, jogam mesas e comida. Mesas e barris vêm voando de longe, outros Crinos interferem na briga.

Coruja saca o martelo de turik, o Crinos se assusta e saca uma adaga de osso; ambos as guardam. A briga acaba, coruja se descupa pela arma e todos limpam o salão. Coruja examina um Arcadiano grande, Mata Troll chega e avisa que tera gemeos

Mata Troll decide o desafio para passar o posto de alfa, Brisa e Estrela de Prata correm. Eles devem subir a montanha ao norte pelo caminho da serpente, e trazer uma cabeça de troll. Coruja vai como ajuda caso algo aconteça; estrela fica para trás, brisa segue o cheiro da alfa, e coruja vai com guia espiritual.

Ao subir o caminho, eles chegam a um topo muito alto, enevoado, com cadáveres de leões e trolls. Brisa marca o cheiro dos cadáveres, e segue uma trilha com o mesmo cheiro; neva e venta muito. Ele se depara com um paredão, e o contorna ate o topo. Lá em cima, um platô com um cume, uma caverna, e um pequeno acampamento. No acampamento, um homem, brincando com ossos.

O homem não é um homem, mas uma criança troll. Dentro da caverna, dois trolls fazendo sexo. Brisa fica algum tempo decidindo se mata uma criança ou o casal. Decide partir para cima da criança, que quer brincar com ele. Ele vira crinos e começa o combate, partindo para a garganta, e arranca-lhe a cabeça com uma única patada.

Os pais ouvem o berro da criança, e saem da caverna. Os dois lobos contornam por trás, coruja por baixo e brisa pelo platô. Quando brisa está descendo, a mãe o vê e corre para cima. Coruja segue escondido, e vê que o pai chega desorientado. Enquando Brisa e a mãe estão descendo a encosta, Coruja saca o martelo e dá uma rajada de vento no pai, que é derrubado vários metros.

Brisa está apanhando um tanto da mulher troll; Coruja vai ajudá-lo, empurra a troll um pouco com o martelo mas não é muita coisa. Ele fala para Brisa pegar a cabeça e ir embora, mas ele não desiste da luta. A troll se desequilibra ao tentar acertar brisa, Coruja aproveita a deixa para derrubá-la de lonje. Ele e brisa começam a descer, enquanto o pai troll aparece no patamar. Enquanto brisa está descendo correndo, Coruja resolve pular para baixo. Quando o troll está quase alcançando-os, ele entra para a Umbra, mas dá um passo em falso e quase cai em um abismo. Relâmpago Escarlate o segura, e o joga em um lugar seguro, fora da umbra novamente. Nesse momento, ele vê o caminho de serpente do lado, e chama Brisa para lá. Ele entra novamente para a umbra, e Brisa chega ao caminho logo enquanto o troll está logo atrás.

No caminho da serpente, Coruja aparece ao lado de Brisa. Enquanto eles descem, uma parede de Ffenris está subindo em direção a eles. Eles se cruzam, e os filhotes continuam em direção ao Caern. chegando, são recebidos por Rosa dos Ventos, que informa que estrela não retornou.

Brisa é o novo alfa da Tempestade Escarlate.

Comments

Bpaiva Bpaiva

I'm sorry, but we no longer support this web browser. Please upgrade your browser or install Chrome or Firefox to enjoy the full functionality of this site.